16 junho 2017

A Toponímia da Freguesia de Eja



"À mulher de César não basta ser honesta, deve parecer honesta".


Adaptando este provérbio aos nossos dias e à nossa Freguesia de Eja poderíamos extrapolar para:


A um Presidente de Junta não basta ser instruído, deve parecer instruído

Isto vem a propósito das placas que hoje proliferam por toda a Freguesia de Eja.
Dando o nome a cada Rua, Largo ou Avenida é, não tenho dúvidas, um bom trabalho e uma boa ideia, mas a Junta ao tomar tal iniciativa deveria ter em conta que não basta ser instruído também deve parecê-lo e pela amostragem torna-se evidente que a contratação de um Arquitecto Paisagista teria sido bem mais “instruído” que pôr estas placas por toda a Freguesia.





Eja é uma Freguesia rural e onde até proliferaram vestígios Romanos, seria mais consentâneo utilizar na toponímia das nossas Ruas outro tipo de suporte como exemplos que mostro abaixo.

 



Parece ter sido a única coisa que a Junta foi capaz de fazer no lugar ribeirinho de Entre-os-Rios. De facto para um Presidente que esteve “sentado” no lugar durante doze anos é muito pouco e que agora pretenda “lançar” a estudante e sua jovem filha para futura Presidente da Junta parece ser uma tentativa de continuar por entreposta pessoa. O que espera a Eja com a continuação do actual reinado?

Sem comentários:

Enviar um comentário

Autárquicas na EJA - Uma pergunta que se impõe

- Numa entrevista dada pela filha e pai Guedes a uma jornalista do jornal Observador, entre várias alarvidades, há uma que me sugere uma qu...